terça-feira, 26 de abril de 2011

FELICIDADE....UMA DOSE A MAIS

Quero uma dose a mais
Desse delicioso veneno que me mata aos poucos
Tanto faz eu quero é paz
Curtir a insanidade
Desse mundo vulgar,com tantas falsidades
Hoje estou renascendo...
Uma dose a mais,porque não?
Tentei ser normal acabei mal
Quero viajar na velocidade da luz
Quero caminhos que conduz
ao mar de estrelas coloridas
Fazer um colar encantado
Com cristal lapidado
Nuances de mil cores
Prazeres de mil amores
Deitar e dormir
Não recordar de nada
Assumir minha depêndencia
De seres normais
Estar sempre de sorrisos aberto
Cercada de afetos
Tudo certo......
Deixar de suplicar
Um minuto de atenção
Acordei a tempo
Cansei,,Chega de humilhação
Do cinismo,hipócrita
Hoje sou eu quem tenho razão

Ceiça Procopio

Nenhum comentário:

Postar um comentário