quinta-feira, 14 de março de 2013

CAÍ NA REAL

Tão pouco ficou
De tudo que existiu
Tudo fluiu,resumiu
Hoje caí na mesmice
Nada mais tem sabor
Aquela meiguice
Que a vida sugeria
Era só fantasia
Hoje vejo a vida real
De cara.....
Nada ideal
Sem opção
Obrigada a viver com a solidão 
Nada mais restou
O tempo levou com o vento
Restou nada mais que lamento
Ceiçaprocópio


Nenhum comentário:

Postar um comentário