quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

VIDA E MORTE


Vida fragil comparada a chama de uma vela
A morte eu comparo como o vento
Quando sopra revela que pode exterminar a qualquer momento,a chama da vida
Num sopro apaga,e a vida acaba...
Assim tão sutilmente
CEIÇA PROCOPIO
dedicada a um amigo que já não está entre nós
o vento soprou e apagou a chama da vida
Foi deixando saudade
Tão sutilmente em plena juventude..........

Nenhum comentário:

Postar um comentário