quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

FONTE DO AMOR

Paz suave que invade, paixão e saudade
bonita cheirando a flor
Desse amor que necessita todos os corações
Chega feito o som de uma bela canção
romântica,tão sublime qto uma cura quântica
serena a mente e adormece
num sono tranquilo possuidor completo do nosso ser
Como o florecer de uma nascente,brotando da terra,límpida
pura,na ternura nascendo do solo,corre vagarosamente para o colo do regato
Sem egoismo,matando a sede,alimentando a rede dos pescadores
Segue até desaguar no mar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário