sábado, 11 de dezembro de 2010

--------UTOPIAS---------


Minhas utopias transformadas em poesias
Soam feito melodias,dão asas a imaginação plena
Fantasio,crio e acredito
Quando caio na real do triste dilema
Vejo que só existem dias tristes
Fantasias,poesias de um ser insano
Que foge a regra
Vive os planos das entregas cegas
Paga caro os danos .....Dos fatais desenganos
Ceiça

Nenhum comentário:

Postar um comentário